Sábado, 18 de Novembro de 2017

STF
Sexta-Feira, 08 de Setembro de 2017, 08h:42

PASSOU DOS LIMITES

"Escolheria uma arma de fogo", diz Marco Aurélio sobre eventual duelo com Gilmar

Redação

Reprodução

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, afirmou na quarta-feira (6), em entrevista à Rádio Guaíba, de Porto Alegre, que o ministro Gilmar Mendes "passou de todos os limites inimagináveis", e que se eles estivessem no século XVIII, o embate entre os dois "acabaria em duelo".

“Em relação a mim ele passou de todos os limites inimagináveis. Caso estivéssemos no século XVIII, o embate acabaria em duelo e eu escolheria uma arma de fogo, não uma arma branca”, disparou.

Gilmar Mendes e Marco Aurélio já se desentenderam diversas vezes, em outras ocasiões.

No âmbito da Lava Jato, Marco Aurélio comparou a mala do ex-assessor do presidente Michel Temer Rodrigo Rocha Loures, onde havia R$ 500 mil, com os R$ 51 milhões encontrados no bunker do ex-ministro Geddel Vieira Lima. “É uma malinha de mão, sem dúvida. É algo inimaginável.”

Comentários

Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!